Header Ads

ad728
  • Recentes

    Pré-Batismo Curso Das Águas - Doutrina de Batismo


    A Doutrina de Batismos.



    Texto Mt 28:19 – “Ide, portanto, fazei discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo;”

    Texto Mc 16:16 – “Quem crer e for batizado será salvo; quem, porém, não crer será condenado.”

             Há quatro tipos de batismo:

    1. Batismo em um corpo (posição)
    2. Batismo nas águas (confissão pública)
    3. Batismo no Espírito Santo (poder)
    4. Batismo com fogo (purificação)

    A Doutrina de Batismos.

             Batismo em um corpo acontece quando uma pessoa se rende a Cristo. O trabalho do Espírito Santo é integrar ao corpo de Cristo cada bebê espiritual nascido de novo.

             O batismo nas águas é um ato físico que expressa uma realidade espiritual. Estamos dizendo que compartilhamos com Cristo de sua morte e ressurreição.

             Ao submergir, ele está representando, através deste ato, o sepultamento de sua natureza pecaminosa. E ao emergir, levanta-se para uma nova vida de ressurreição em Cristo Jesus.

              

    Por que por imersão na água?

    1. A palavra grega para batismo é baptize, que significa afundar ou emergir.
    2. João Batista batizava as pessoas no rio Jordão, porque ali havia muita água, indicando que era por imersão.
    3. A razão principal é esta: só a imersão pode simbolizar um sepultamento corretamente, isto é, um sepultamento nas águas da morte (Rm 6:4 / Cl 2:12).





    Por que uma pessoa deveria ser batizada nas águas?

    1. É um mandamento de Jesus – Mt 28:19
    2. É a garantia de uma consciência pura para com Deus – 1Pe 3:21
    3. Porque o próprio Jesus foi batizado – Mt 3:13-17
    4. É um tipo de circuncisão – Cl 2:11-12
    5. Era uma doutrina fundamental da Igreja Primitiva – At 2:41 / 10:47-48

             A purificação do pecado é simbolizada e testificada pelas águas do batismo. É uma confissão externa do que aconteceu por dentro. Quem crê de fato batiza.



    O Batismo nas águas é uma confissão múltipla

    1)      Do céu – de nossa fé na morte e ressurreição de Jesus (1Co 15:3-4).

    2)      Da Igreja – de que nós somos parte dela.

    3)      Do mundo – de que nós fomos mortos para ele.

    4)      Do diabo – de que nós fomos libertos dele e transportados para o reino de Deus.

             Batismo no Espírito Santo, é a provisão de Deus para sermos vitoriosos, vencedores.

             Batismo com fogo, somos trigo e depois de maduros a nossa palha só atrapalha, o fogo remove aquilo que não agrada a Deus.



    Resumo e aplicação

    1. Como discípulos de Jesus, nós nos tornamos parte do corpo de Cristo, quando somos batizados no corpo pelo Espírito Santo.
    2. Há uma segurança em saber que Jesus é o Cabeça do corpo, a Igreja, e que Ele se preocupa conosco como indivíduos.
    3. Através do batismo nas águas, estamos declarando que tanto a velha vida quanto a natureza pecaminosa estão mortas. Agora, a nova vida e a nova natureza de Jesus estão ao nosso dispor, por intermédio do Espírito Santo.
    4. O batismo com fogo é o processo depurador pelo qual todo discípulo de Jesus precisa passar, para que possa tornar-se semelhante a Ele.

    Nenhum comentário

    Deixe seu comentário.

    Post Top Ad

    Garanta Sua Vaga Gratuitamente

    Post Bottom Ad

    ad728