Header Ads

ad728
  • Recentes

    Bíblia a Palavra de Deus


     Bíblia “A palavra de Deus”.

    1)-  Este é um assunto muito vasto e  muito profundo.
    Todos nós (com especialidade, os evangélicos)) sabemos que a Bíblia é a Palavra de Deus. Disto não temos nenhuma dúvida.
     Portanto, não temos  necessidade de fazermos desta aula, uma apologia em defesa da Bíblia. A Bíblia como Palavra de Deus, ela fala por si  mesma.
     O simples fato de a Bíblia chamar-se de ESCRITURAS SAGRADAS, revela o compromisso  que Deus tem com sua palavra. Na Bíblia, Deus pôs o seu nome e a sua assinatura.

    Ir Para Pagina Inicial Do Curso (todas as Disciplinas)
    Ir Para Índice Desta Disciplina

     As Escrituras tem o aval de Deus. Deus mesmo é o seu autor.  Conhecendo o autor da Bíblia, facilitará para você, conhecer à Bíblia.
      Ninguém saberá interpretar melhor um livro, do que o próprio autor.
      Quando observamos termos como: “Assim diz o Senhor..” na Bíblia, entendemos ser a confirmação de que Deus é seu autor.
     Porque afirmamos que a Bíblia é a palavra de Deus?
    Por que ela é a revelação de Deus à humanidade. É o único livro, cujo interesse é revelar Deus à humanidade. Nenhum outro livro se preocupa tanto com a vida espiritual do ser humano, como a Bíblia. Ignorar a Bíblia é ignorar a vontade de Deus.
     A   Bíblia é Deus falando ao homem, é Deus falando através do homem, é Deus falando como homem, é Deus falando a favor do homem, mas é sempre Deus falando!  O nosso livro texto, ensina que o aluno deve estudar a Palavra de Deus, não interessado apenas pelo seu aspecto literário (como literatura) mas pelo aspecto espiritual de sua mensagem

    2)-  A Bíblia como Palavra de Deus falada
    A Bíblia é a revelação verbal de Deus aos homens. Muitos anos antes de haver a escrita, Deus  já falava verbalmente com o homem.
      No tempo de Adão, de Abel, de Enoque e de Noé, não havia a revelação escrita.  Tudo o que havia naquele tempo, era o Grande Livro de Deus – a natureza, Cf. Sl.19.1-3.
      Certo erudito disse que os astros e a natureza são os missionário mudos de Deus. Por causa destes missionários, o homem tornou-se inescusável diante de Deus, Cf. Rm.1.19-20.
    Quando lemos em Hb.1.1 » Havendo Deus antigamente falado muitas vezes, e de muitas maneiras, aos pais, pelos profetas...,refere-se a revelação verbal de Deus, dada antigamente aos homens, muitas vezes e de muitas maneiras. Ela era transmitida oralmente de pais para filhos, por muitos anos, até que Deus tomou as devidas providências.


    3)- A Bíblia como palavra de Deus Escrita.

    A Bíblia é também a revelação de Deus escrita aos homens, com o objetivo de revelar aos mesmos à sua vontade.

     Este Santo Livro é Divino-humano. Divino porque foi dado aos homens por inspiração divina e humano porque teve a participação humana. Muita gente deixa de crer na Bíblia,  porque diz que ela foi escrita por homens. Não podia ser diferente.

     Deus jamais iria usar um anjo para escrever aos homens, porque os anjos não sabem se expressar aos homens, veja “ Aos quais foi revelado que não para si mesmos, mas para vós, eles ministravam estas coisas que agora vos foram anunciadas por aqueles que, pelo Espírito Santo enviado do céu, vos pregaram o evangelho; para as quais coisas os anjos bem desejam atentar”.  Deus também jamais usaria um animal para escrever aos homens, pois estes vivem num reino bem mais inferior que os homens. Deus usou homens, mas homens santos!  Cf. 2Pe.1.21.


         Na Bíblia temos o Livro e a Mensagem. No livro, temos o aspecto teológico ou espiritual. No livro temos a participação  do elemento humano, os escritores e os materiais usados na escrita, como sejam – tábuas, papiro, pergaminhos e outros.
     Na mensagem, - a Palavra - ,  é divina, é dada por Deus, foi Deus quem falou, foi Deus quem ordenou.


    4)- A veracidade da Palavra de Deus
    A Bíblia é um livro diferente de todos os demais livros. O que diferencia a Bíblia dos demais livros?  O que diferencia a Bíblia dos demais livros é a sua inspiração divina, veja IITm.3.16. A Bíblia é a PALAVRA INFALÍVEL  DE DEUS. Jesus disse: “ Passará o céu e a terra, mas as minhas palavras jamais passarão”. Ela é fiel em seu cumprimento, por que foi inspirada pelo próprio Deus, Logo, Deus é o seu real autor. A Bíblia não apenas contêm, (como querem alguns) a Palavra de  Deus, ela é a PALAVRA DE DEUS. Disse certo autor que antigamente para se falar na autenticidade da Bíblia, usava-se apenas a palavra; “A Bíblia é a Palavra de Deus”. E estava resolvido!  Depois mais tarde foi necessário acrescentar: A Bíblia é a Palavra inspirada de Deus”, porque só a Palavra de Deus não estava resolvendo mais.
      Porém, com o decorrer dos anos , a frase foi crescendo, até chegar a: A Bíblia é a palavra de Deus verbal e plenariamente inspirada. Logo mais adiante foi necessário  usar uma bateria de termos teológicos, mais ou menos assim: A Bíblia é a palavra de Deus, infalível, inerrante nos manuscritos originais, verbal e plenariamente inspirada.

    5º- Falsas teorias sobre a inspiração da Bíblia

    a) Teoria da inspiração natural – humana. Esta teoria ensina que os escritores da Bíblia foram homens superdotados de capacidade e força intelectual especiais, como Sócrates, Shakespire, Camões, rui Barbosa e outros. Negando o sobrenatural.
    b) Teoria da inspiração comum: Esta teoria ensina que a inspiração dos autores da Bíblia é a mesma que os pregadores recebem hoje nos púlpitos. Esta teoria não confere, porque a inspiração que recebemos hoje é permanente e a dos escritores era temporária.
    c) Teoria da inspiração parcial : Esta teoria ensina que apenas algumas partes da Bíblia são inspiradas, outras não. Este dizem que a Bíblia contém a Palavra de Deus, mas não é toda – Palavra de Deus.
    d)  Teoria do ditado verbal: Esta teoria ensina que a inspiração da Bíblia é só quanto às palavras e não deixando lugar para as atividades e  estilo do escritor, o que é notável em cada livro. 
    e) Teoria da inspiração das idéias: Esta teoria ensina que são inspirados apenas as idéias da Bíblia e não as palavras, que ficaram a cargo dos escritores.
    F) Teoria correta da inspiração da Bíblia:  A teoria correta da inspiração da Bíblia é aquela que ensina que todas as partes da Bíblia são igualmente inspirada por Deus. Os escritores não foram apenas “robôs”, mas houve cooperação vital e contínua entre eles e o Espírito Santo que os capacitava para desempenhar certas funções.

    Ir Para Pagina Inicial Do Curso (todas as Disciplinas)
    Ir Para Índice Desta Disciplina

    Nenhum comentário

    Deixe seu comentário.

    Post Top Ad

    Garanta Sua Vaga Gratuitamente

    Post Bottom Ad

    ad728