Header Ads

ad728
  • Recentes

    Aprenda a Confessar a Palavra (Apêndice)


    CONFISSÕES DA PALAVRA

    meu Coração tem sede de Ti.
    Tu refrigeras minha alma. Tu me restauras e me saras, porque colocamos aqui algumas confissões da Palavra. Pratique-as durante essas doze semanas do Curso de Consolidação. Lembre-se do que disse Jesus: Com o coração se crê e com a boca se confessa a respeito da salvação.

    SALMO 23
    O Senhor é o meu Pastor e nada me faltará (5123.1).
    Não me faltará paz (Ef2.14).
    Não me faltará saúde (Êx 15.26).
    Não me faltará provisão (Fp 4.19).
    Não me faltará prosperidade (51 1.3).
    Não me faltará direção (5135.23).
    Não me faltará força (2Cr 10.4).
    Não me faltará poder (Fp 4.13).

    Tu me fazes repousar em pastos verdejantes. Tu és o meu alimento (Jo. 6.48).
     Tu és o Pão da Vida e de Ti eu me alimento a todo instante em meu espírito.
    Tu me fazes repousar e também és o meu repouso, o meu descanso (Hb 4.3).
    Leva-me para junto das águas de descanso.
     Tu és a Água Viva que sacia minha sede (Jo. 4.10-14). Tu me levas para junto de Ti.
    Tu és poderoso para transformar o beberrão, o drogado e o marginal com o sopro
    da Tua boca e para restaurar famílias destruídas.
    Tu levantas o miserável e o indigente para que sejam homens dignos e prósperos
    e transformas o homossexual e a prostituta.
    Tu podes levantar o morto do sepulcro, fazer forte ao cansado e sustentar o fraco.
    Tu és poderoso para fazer infinitamente mais do que tudo quanto sou capaz de
    pedir, sentir, pensar e desejar (Ef 3.20).

     Eu me aquieto e descanso porque sei que Tu és Deus, o Deus Todo-Poderoso, Onipotente, o grande El Shadai.


    SOU UMA NOVA CRIATURA
    E assim, se alguém está em Cristo, é nova criatura; as coisas antigas já passaram, eis que se fizeram novas. (2Co 5.17)
      Eu estou em Cristo Jesus! Sou nova criatura em Cristo! Fui criado de novo.
     A vida e a natureza de Deus estão dentro de mim. Passei da morte para a vida! Sou nova
    criatura!
    Mas a todos quantos o receberam, deu-lhes o poder de serem feitos filhos de Deus, a saber, aos que creem no seu nome, os quais não nasceram do sangue, nem da vontade da carne, nem da vontade do homem, mas de Deus. ao 1.12,13)
       Eu recebi o poder de ser feito filho de Deus porque nasci da Sua vontade. Faço parte da Sua família. Deus é meu pai! Ele me ama, provê as minhas necessidades e cuida de mim.

       Pois fostes regenerados, não de semente corruptível, mas de incorruptível,
    mediante a Palavra de Deus, a qual vive e é permanente. (IPe 1.23)

    Fui gerado por Deus. Sou nascido de Deus, da semente incorruptível, pela Palavra viva de Deus. Nasci na dimensão espiritual, recebi a vida eterna e fui feito um ramo da videira mediante a imutável palavra de Deus. Todas a minhas doenças já levaste na cruz (Is 53.5-6). Tomaste sobre Ti todas as minhas enfermidades.

    Tu me guias pelas veredas da justiça por amor do Teu nome.
     Por isso creio que sempre haverá uma voz a me acompanhar dizendo: Esse é o caminho; ande por ele (Is 30.21).
      Ainda que eu ande pelo vale da sombra da morte, não temerei mal algum mal, porque Tu estás comigo. Porque de maneira alguma me deixarás; nunca, jamais me abandonarás (Hb 13.5).

    Creio que a Tua bondade e misericórdia certamente me seguirão todos os dias da
    minha vida e habitarei na Tua casa para todo o sempre (SI 23.6).


    O PODER DE DEUS
    Teus, Senhor, são a grandeza, o poder, a honra, a vitória e a majestade, porque Teu é tudo quanto há no céu e na terra. Riquezas e glória vêm de Ti. Tu dominas sobre tudo.
       Nas Tuas mãos há força e poder. Para Ti não há impossíveis (lCr 29.12).
     Tu podes todas as coisas e nenhum dos Teus planos pode ser frustrado (jó 42.2).
    Tu és o Deus Todo-poderoso, o grande El Shadai (Gn 17.1).
    Para Ti nada é demasiadamente difícil (Gn 18.14). Na Tua excelência, Tu és
    grandioso e tremendo.
     Na concha de Tuas mãos estendes o mar, e toda terra é como um grão de pó perante o Teu sopro (Is 40.12-15).
    Tu convocas as estrelas pelo nome e todas as coisas sustentas pela força do Teu poder (Is 40.26).
     Coisa alguma Te é demasiadamente maravilhosa e nada pode escapar ao Teu tremendo poder (Is 32.17). Agindo o Senhor, ninguém o impedirá (Is 32.17).
     Se abres, ninguém fecha; se fechas, ninguém abre. Tudo é possível para Ti.
    Tu podes levantar o desvalido, dar vistas ao cego e renovar as forças do deprimido.
    Tu fazes que a mulher estéril seja mãe de muitos filhos.
    Tu saras todas as minhas enfermidades e me enches de abundância e prosperidade.
    Tu fazes o coxo saltar como bezerro na estrebaria e o mudo cantar louvores a Ti.
    Pois somos feitura dele, criados em Cristo Jesus para boas obras, as quais Deus de antemão preparou para que andássemos nelas. (Ef 2.10)
    Eu sou feitura de Deus. Ele me fez uma nova criatura. Criou-me em Cristo Jesus para as boas obras.
      Vejo a mim mesmo como Deus me vê, por isso rejeito todo complexo e toda timidez. Eu me vejo em Cristo Jesus.
    Porque fostes comprados por preço. Agora, pois, glorificai a Deus no vosso corpo. (1 Co 6.20)
    Fui comprado por um alto preço, adquirido e pago para ser só dele.
     Nunca mais direi que não tenho valor, pois, o meu valor é o preço que foi pago por mim, o preço do
    sangue de Jesus. Já não me pertenço mais, pertenço ao Senhor Jesus.


    SOU LIVRE DO PECADO
    Sou verdadeiramente livre porque o Filho me libertou (Jo 8.36).
     Como posso viver ainda no pecado se já morri para ele? (Rm 6.2). Pois meu velho homem foi
    crucificado com Cristo, para que o corpo do pecado seja amortecido e eu não sirva mais ao pecado como escravo (Rm 6.6).
     Por isso me considero morto para o pecado e completamente livre (Rm 6.11), pois o pecado já não tem domínio sobre mim, uma vez que não estou debaixo da lei e, sim, da graça (Rm 6.14).
       Antes eu era escravo do pecado, mas, uma vez liberto dele, fui feito servo da justiça, servo de Deus, e por isso manifesto o fruto para a santificação (Rm 6.21).
       A lei do Espírito e da Vida, em Cristo Jesus, me libertou da lei do pecado e da morte (Rm 8.2). Sou nascido de Deus, portanto não posso mais viver na prática do pecado (I]o 3.8,9) E também venço o mundo, pois todo o que é nascido de Deus vence o mundo, e não vive na prática do pecado, antes, Deus o guarda, e o maligno não o toca (1 Jo 5.18).
       Estou crucificado com Cristo, por isso já não sou eu quem vive, mas Cristo é quem vive em mim (Gl.2.19,20). Eu não sou mais escravo do pecado.
     Agora, sou filho de Deus, e quem pode levantar acusação contra mim? É Deus quem me justifica. Quem pode me condenar? Cristo já morreu por mim e me livrou de toda condenação.
     Agora eu sei que nada, em todo o universo, pode me separar do amor de Deus, que está em Cristo
    Jesus, nosso Senhor (Rm 8.33-39).

    A FÉ VITORIOSA
    Porque todo que é nascido de Deus vence o mundo, e esta é a vi- tória que vence o mundo: a nossa fé (I]o 5.4). Embora esteja no mundo, não pertenço a ele. Sou de Deus, e em mim habita Aquele que é maior.
     Maior é Aquele que está em mim do que o que está no mundo (1 Jo. 4.4).
       O Diabo está no mundo. Mas Deus é maior e me dá vitória em todas as lutas contra o inimigo.
     O Senhor me conduz sempre em triunfo (2Co 2.14).
     Para isso se manifestou o Filho de Deus, para destruir as obras de Satanás (1 Jo.3.8).
       Eu venço o mundo pela fé e destruo as obras do Diabo, porque sou filho de Deus.

    O pecado está no mundo.
     Mas aquele que está em mim é maior que o pecado e me conduz em vitória (I Co 15.57).
     Cristo Jesus já venceu o pecado e eu agora, pela fé, vivo nessa vitória.

    Eu venço o mundo com suas paixões, enfermidades e aflições. Se não posso passar por cima da aflição, eu passarei ao redor; se não posso passar ao redor, passarei por baixo. Se não posso passar por baixo, eu passarei no meio dela, porque maior é Aquele que está em mim do que o que está no mundo ( l.Jo 4.4).

    Eu sou nascido de Deus, e, liberando a minha fé por meio das palavras da minha boca, eu venço o mundo.
    Porque o justo viverá pela fé (Rm 1.17). Eu vivo pela fé na Palavra do Deus vivo.
    Ajo à altura da veracidade de suas Palavras.
     Todas as minhas palavras são de fé.
     Eu rejeito palavras de desânimo, de dúvida, de incredulidade e de medo.
     Porque com o coração se crê e com a boca se confessa (Rm 10.10).
     Com meu coração eu creio na Palavra de Deus e com minha boca eu confesso suas promessas e provisões.
     Eu sou quem Deus diz que sou e tenho o que Ele diz que tenho.

    Combato o bom combate da fé (l Tm 6.12).
     A fé vem pelo conhecimento da Palavra de Deus e eu decido conhecê-la cada vez mais.
     Terei revelação da Palavra e minha fé crescerá. Dia após dia, crescerei em fé.
    Pela fé falo novas línguas, expulso demônios e curo enfermos (Mc 16.17).

     Pela fé desfaço as obras do diabo, chamo à existência as promessas de Deus subjugo o diabo;
    pratico a justiça e fecho a boca de leões (Hb 11.33).
     Fé é levar a sério o que Deus diz em Sua Palavra, colocando-a em prática. Eu vivo pela fé e pratico a Palavra.


    VITÓRIA SOBRE O INIMIGO
    Não deis lugar ao diabo. (Ef 4.27)
    Eu não dou lugar ao inimigo.
     Não lhe dou a mínima oportunidade.
     Como zelador do patrimônio de Deus, que é meu corpo, não admito invasores.
     Não deixo lugar nem apoio para o diabo. Não abro brechas de pecado nem de mundanismo. O diabo não tem nada em mim.
       Eles, pois o venceram por causa do sangue do Cordeiro e por causa da Palavra do testemunho que deram ... (Ap 12.11)
       Eu sou vencedor. Pelo sangue do Cordeiro e pela palavra do meu testemunho, eu venço o diabo em todos os confrontos.
     Não fecho a minha boca, mas profiro constantemente a Palavra de Deus, que é espada penetrante e destrói as obras do diabo.
    Deus ressuscitou a Cristo dentre os mortos, fazendo-o sentar à Sua direita nos lugares celestiais, acima de todo principado, e potestade, e poder, e domínio, e de todo nome que se possa referir, não só no presente século, mas também no vindouro.
     E pôs todas as coisas debaixo dos Seus pés e, para ser o cabeça sobre todas as coisas, o deu à Igreja, a qual é o seu corpo, a plenitude daquele que a tudo enche em todas as coisas. (Ef 1.20-23)
       Deus colocou Cristo acima de tudo e de todos. Todas as coisas estão debaixo dos Seus
    pés. Sou membro do Corpo de Cristo e, como os pés fazem parte do corpo, logo, Satanás
    também está debaixo dos meus pés.

    Nenhum comentário

    Deixe seu comentário.

    Post Top Ad

    Garanta Sua Vaga Gratuitamente

    Post Bottom Ad

    ad728