» » » Cresce o número de judeus europeus que imigram para Israel

Folha de São Paulo conversou com um jovem francês que resolveu sair de seu país para viver em Israel. Marc Leiba, 31 anos, é judeu e percebeu que no seu país os judeus não teriam futuro.

“Eu vi que ser judeu, que é uma coisa pessoal, me definia mais do que ser francês”, disse ele. Leiba não foi o único, o número de judeus franceses que resolveram fazer o “aliyah” – imigração a Israel – cresceu e muito: no primeiro semestre de 2013 foram 811 pessoas, no mesmo período deste ano foram 2.831.
O clima hostil para os judeus franceses ganhou um novo capítulo, com os ataques na Faixa de Gaza, milhares de pessoas se manifestaram contra Israel, em julho, quando a operação militar começou, oito sinagogas foram atacadas em Paris o que gerou ainda mais medo entre os judeus.
“Pela primeira vez, tivemos gangues atacando sinagogas. Até então, esses crimes eram cometidos por indivíduos”, disse Yonathan Arfi, que é vice-presidente da federação de judeus na França.
Na França há cerca de 600 mil judeus, mas poucos são os que fizeram a “aliyah”, a maioria não percebeu os riscos do crescimento no antissemitismo no país, mas para Arfi o risco é grande, pois o preconceito contra judeus não é só expressado pela direita europeia, mas também na periferia.
Na Espanha também há casos de antissemitismo recentes, em 2013 foram três casos relatados pelo Ministério do Interior. A federação judaica espanhola FCJE diz que os “preconceitos antigos seguem existindo e aumentando nos últimos anos, tomando novas formas”.
A diretora do FCJE, Carolina Aisen, diz que os principais lugares de preconceito são universidades e nos meios de comunicação. “Há um antissemitismo no inconsciente coletivo. É um profundo desprezo pelo judeu que se demonstra em expressões como ‘judiar’ em festas populares que tratam da difamação de judeus”, disse ela.

Redação Catedral Da Paz

Rede Paz Brasil, Igreja Catedral Da Paz, Rio Verde-GO; Nas publicações podem conter Imagens e Textos das igrejas e seus oficiais e da Internet.
«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga

Deixe Seu Comentário

Leave a Reply

Pessoal Fiquem a Vontade Para Comentar nossas publicações